Márcio Garcia: 'já tem gente que avisa que quer participar ou que a família está cobrando uma ida ao Tamanho Família'

O apresentador, e ator, retorna com a divertida disputa no próximo domingo, 15

Márcio Garcia | <i>Crédito: Globo/Marília Cabra
Márcio Garcia | Crédito: Globo/Marília Cabra


Domingo é dia de reunir a família e a partir do próximo, no dia 15, a desculpa da vez não vai ser mais aquela deliciosa macarronada que não pode faltar no almoço do final de semana. Afinal, o Tamanho Família retorna para a sua terceira temporada e, dessa vez, Márcio Garcia garante que a disputa vai ser melhor do que antes. Novos quadros, convidados ainda mais descontraídos e muita emoção promete tomar conta da telinha logo após ao Esporte Espetacular.

TITITI - Qual é o segredo do sucesso do programa?
Márcio Garcia
- Acho que é a família estar em primeiro plano. Ali não é o famoso na versão celebridade, é ele no seu ambiente natural, onde nasceu, cresceu, toma puxão de orelha no palco. Eu sou suspeito pra dizer, mas acho o programa é incrível, tem uma fórmula despretensiosa e leve e todo mundo brinca e fica à vontade. É muito gratificante ter o feedback dos convidados.

Quais as principais novidades da nova temporada?
 A gente vai ter o Tio Mala, que é um personagem que entra no jogo com uma tarefa misteriosa na mala, que pode mudar o placar do jogo, além de novas brincadeiras. Mas, no geral, a gente tem em mente que todo programa é diferente. Cada família é uma família, cada mãe é uma mãe, cada filho é um filho. Isso traz momentos de alegria, descontração e, como a gente sabe, de emoção também.

Como é a escolha dos convidados? 
MG - Ah, já tem gente que avisa que quer participar, ou que a família está cobrando uma ida ao programa. O difícil pra gente é conseguir conciliar as datas de todos, com o nosso cronograma de estúdio, que é bem apertado, tem dias certos. Sobretudo porque não é o tempo de uma entrevista, por exemplo, a gente precisa que os convidados e seus parentes possam passar praticamente o dia todo com a gente, seja nos ensaios com cada parte, ou na gravação do programa em si.

Teve alguma edição que te marcou mais?
Não teve uma edição específica. Mas sempre tem uma coisa muito forte em algumas delas. Seria injusto dizer aqui que eu teria predileção por uma. Cada família tem a sua história, é sempre um barato. Cada programa foi único.

Como é a sua preparação a cada semana? 
Eu sempre recebo um material com a pesquisa de cada família, episódios, curiosidades e perfil de cada um dos convidados dos dois sofás e estudo muito isso, leio o roteiro antes, e ajusto com a minha equipe, que é incrível, se achar que precisa. Mas adoro participar do ensaio e testes das provas, com a trupe e toda a equipe. A gente ri, se diverte, melhora, se questiona e já chega no programa com a prova lapidada. Estar no palco com meus convidados e com a minha plateia é o momento que eu mais gosto. 

 



11/04/2018 - 13:00

Conecte-se

Revista Tititi